Curso de Graduação em Cinema
  • Encontro com Jorge Furtado e Ana Luiza Azevedo

    Publicado em 09/04/2021 às 19:58

    É com prazer que o curso de Cinema da UFSC, representado pelos professores Henrique Finco e Aglair Bernardo, recebe os diretores Jorge Furtado e Ana Luiza Azevedo para conversar sobre o filme documentário “Quem é Primavera das Neves?”. O encontro será feito de forma remota no dia 12/04/2021, a partir das 14h00.

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

    📍 Pelo link: https://conferenciaweb.rnp.br/webconf/cinema-documentario-ufsc

    *As informações sobre o filme e os diretores foram retiradas do site da Casa de Cinema de Porto Alegre:
    http://www.casacinepoa.com.br

     


  • Aula Magna com Joel Zito Araújo

    Publicado em 17/03/2021 às 8:12

    É com prazer que o curso de Cinema da UFSC convida a todos e todas para a aula magna com Joel Zito Araújo. O encontro será feito de forma online no dia 18/03/2021, às 17h00.

    O evento é aberto, apenas solicitamos que enviem um email de confirmação de presença para olhonegroaudiovisual@gmail.com e assim lhes será destinado o link de acesso à sala do Meet.

    A aula também será transmitida ao vivo pelo YouTube no canal do Cinema UFSC.


    Sobre o cineasta:
    JOEL ZITO ARAÚJO é diretor, roteirista e produtor, conhecido por tematizar o negro na sociedade brasileira. Doutor em ciências da comunicação, possui extenso conhecimento e estudos sobre o negro na sociedade, refletindo isso em suas criações audiovisuais. Foi um dos responsáveis pela implantação do chamado cinema negro brasileiro, tanto na ficção quanto no documentário e articulou, junto de outros nomes da indústria audivisual, o Manifesto do Recife, um documento que conclamava o fim da marginalização dos atores, atrizes, apresentadores e jornalistas negros na indústria audiovisual.
    Sua obra inclui o livro e filme A Negação do Brasil, ganhador do É Tudo Verdade em 2001, o longa ficcional As Filhas do Vento (2005), ganhador do Festival de Tiradentes e de 8 Kikitos no Festival de Gramado, os docs Cinderelas, Lobos e um Príncipe Encantado (2009). Em 2013 lançou o documentário “Raça”, dividindo a direção com a vencedora do Oscar, Megan Mylan, dentro da temática do negro na sociedade brasileira, e Meu Amigo Fela (2019), com diversos prêmios internacionais. Atualmente está residindo em Cabo Verde finalizando o seu novo longa ficcional, O Pai da Rita.”

     


  • Nota de pesar

    Publicado em 16/03/2021 às 10:52

    Com imensa tristeza recebemos a notícia do falecimento, na madruga dessa terça-feira, da senhora Cláudia Jorge Silva, mãe da professora Virginia. 

    Nesse momento difícil, o curso de Cinema, em luto, manifesta solidariedade à professora, família e entes queridos.


  • Matrícula em Disciplina Isolada/Ouvinte

    Publicado em 08/02/2021 às 20:39

    O período para matrícula da comunidade em disciplinas isoladas ou como aluno(a) ouvinte acontece nos dias 09 e 10 de fevereiro através do site https://disciplinaisolada.sistemas.ufsc.br.

    Primeiro é necessário realizar o cadastro no site, consultar as disciplinas oferecidas e fazer o pedido de inscrição. Depois disso, o estudante precisa enviar ao Departamento que oferece a disciplina os documentos solicitados para efetivar a matrícula  (no caso das disciplinas do curso de cinema, é o departamento de Artes – art@contato.ufsc.br).

    O regulamento pode ser acessado no mesmo site da inscrição.

    Neste semestre, 2020.2, as disciplinas oferecidas nessa modalidade são:

    Código Disciplina
    ART5009 Trilha Sonora
    ART5021 Práticas de Documentário
    ART5023 Laboratório de Percepção e Invenção
    ART5027 Tópicos Especiais de Cinema I – Audiovisual para dispositivos móveis em período de isolamento
    ART5028 Tópicos Especiais de Cinema II – Road movies, viagens e viajantes
    ART5030 Tópicos Especiais de Cinema IV – Cinema e Paratextos na Cultura Pop
    ART5032 Tópicos Especiais de Cinema VI –  Cinema de horror e teorias da monstruosidade 
    ART5033 Tópicos Especiais de Cinema VII – Cinema Negro 
    ART5035 Tópicos Especiais de Cinema IX – Cinema, Gênero e Decolonialidades
    ART5037 Tópicos Especiais de Cinema XI –  Filme ensaio latino-americano 
    ART5215 Cinema Brasileiro I
    ART5314 Gêneros Cinematográficos
    ART5411 Cinema Documentário
    ART5412 Teoria do Cinema I
    ART5413 Universos da Arte II

     

    * as disciplinas estão sujeitas à limitação de vagas.


  • Seleção para Bolsa de Monitoria – semestre 2020.2

    Publicado em 05/02/2021 às 14:39

    Está aberta a seleção para bolsas de monitoria no semestre 2020.2 nas seguintes disciplinas:

    ART5411 – Cinema Documentário
    ART5033 – Tópicos Especiais de Cinema VII (Cinema Negro)
    ART5215 – Cinema Brasileiro
    ART 5030 – Tópicos Especiais IV (Cinema e Paratextos na Cultura Pop)
    ART5034 – Tópicos Especiais de Cinema VIII (Pré produção e Roteiro de Séries )
    ART 5025 – Corpo e Câmera

    Os interessados devem enviar até as 17 horas do dia 08 de fevereiro de 2021 os documentos solicitados no edital anexo.

    Edital monitoria 2020.2


  • Planos de Ensino 2020.2

    Publicado em 26/12/2020 às 14:50

    ART 5009 – Trilha sonora

    ART5019  – Análise dos Meios Audiovisuais

    ART5021 – Práticas de Documentários

    ART5023 – Laboratorio de Percepção e Invenção

    ART 5025- Corpo e Câmera

    ART 5027 – Tópicos Especiais de Cinema I – Audiovisual para dispositivos móveis em período de isolamento

    ART 5028 – Tópicos Especiais de Cinema II – Road movies, viagens e viajantes

    ART5029 – Tópicos Especiais de Cinema III – Hands on Production

    ART 5030 – Tópicos Especiais IV – Cinema e Paratextos na Cultura Pop

    ART5031 – Tópicos Especiais de Cinema V – Arte e Consciência Gestáltica 

    ART 5032 – Tópicos Especiais de Cinema VI – Cinema de horror e teorias da monstruosidade

    ART5033 – Tópicos Especiais de Cinema VII – Cinema Negro

    ART5034 – Tópicos Especiais de Cinema VIII – Pré produção e Roteiro de Séries

    ART 5035 – Tópicos Especiais em Cinema IX – Cinema, Gênero e Decolonialidades

    ART5036 – Tópicos Especiais de Cinema X – Tópicos de Cinema Brasileiro

    ART 5037 – Tópicos Especiais de Cinema XI – Filme ensaio latino-americano

    ART 5038 – Tópicos Especiais de Cinema XII – Projetos para TV

    ART 5215 – Cinema brasileiro I

    ART5312 – Direção de Produção

    ART5314 – Gêneros Cinematográficos

    ART 5315 – Cinema Brasileiro II

    HST5342 –  Historia do Cinema II 

    ART5411 – Cinema Documentário

    ART5412 – Teoria do Cinema I

    ART 5413 – Universos da arte II

    ART5613 – Análise Fílmica

    ART5711 – Técnicas de projetos

     


  • Publicado em 18/12/2020 às 18:11

  • Matrículas 2020.2

    Publicado em 17/12/2020 às 13:25

    Seguem as datas para matrículas nas disciplinas oferecidas para o semestre 2020.2, de acordo com o calendário suplementar excepcional:
    17 a 22 de dezembro de 2020 – 1a. etapa de matrículas online (CAGR)
    8 a 13 de janeiro de 2021 – 2a. etapa de matrículas online – período de ajustes (CAGR)
    25 e 26 de janeiro de 2021 – período de ajustes (CAGR)
    1 a 3 de fevereiro de 2021 – ajuste excepcional de matrícula com a secretaria do curso (via e-mail: cinema@contato.ufsc.br)

    O calendário completo aprovado até o momento está disponível no link  https://dae.ufsc.br/files/2020/12/R30CUn2020-Calend%C3%A1rio-Suplementar-Excepcional-de-Gradua%C3%A7%C3%A3o-2020-2.pdf


  • Disciplinas Optativas ofertadas pelo curso de Cinema no semestre 2020.2

    Publicado em 11/12/2020 às 15:03

     

    • ART5009 – Trilha Sonora – 2ª feira 9h30 (horário da aula síncrona) – prof. Luiz Felipe Soares

    Oficina de composição e produção de música para cena. Cada aluna/o vai participar do processo de concepção, composição e produção de pelo menos uma música para uma cena a ser escolhida, trabalhando com materiais disponíveis em seu próprio local de isolamento. Não será necessário ter instrumento musical nem qualquer iniciação em teoria musical: a oficina trabalhará com múltiplas formas de produção ou captação de sons e fornecerá todo o subsídio teórico que se fará necessário a cada proposta. Ao final, a/s cena/s musicada/s será/ão disponibilizada/s em algum canal (cada participante terá o/s link/s de acesso).

    • ART5019 – Análise dos Meios Audiovisuais – 5ª feira 9h (horário da aula síncrona) – prof. Josias Hack

    Ementa: Teorias e métodos para a análise de produções audiovisuais. O campo específico do cinema, da televisão e das novas mídias e sua inter-relação. Metodologia: a disciplina será ministrada na modalidade a distância e terá poucos encontros síncronos. Os alunos participarão de atividades de estudo dirigido via Moodle para a realização de estudos semióticos de produtos audiovisuais em múltiplas mídias. Público alvo: alunos interessados em aprender uma técnica de análise semiótica de produtos audiovisuais.Os alunos que quiserem esclarecer alguma dúvida podem entrar em contato pelo e-mail: j.r.hack@outlook.com

    • ART5021 – Práticas de Documentário – 2ª feira 14h (horário da aula síncrona) – profa. Aglair Bernardo

    Ementa: O filme documentário. Relação com a ficção, videoarte e com o jornalismo. Oficina de realização documental.

    • ART5023 – Laboratório de Percepção e Invenção – 2ª feira 18h30 (horário da aula síncrona) – profa. Clélia

    Ementa: Arte, mídia e poéticas contemporâneas. Interações entre arte e tecnologia. Estúdio de criação.

    • ART5025 – Corpo e Câmera – 3ª feira 18h30 (horário da aula síncrona) – prof. Rodrigo Garcez

    Ementa: O papel da câmera nas mais diversas expressões audiovisuais e a dança entre os corpos que filmam e os que são filmados. Nesse oferecimento da disciplina refletiremos sobre a criação da imagem do corpo lowtech DIY, tendo como estudo de caso a Ocupação Mágica de Hedra Rockenbach, o TikTok e a forma tutorial de Youtube como novas formas da relação webcam e corpo.

    • ART 5027 – Tópicos Especiais de Cinema I – Audiovisual para dispositivos móveis em período de isolamento – 2ª feira 14h (horário da aula síncrona) – profa. Vírginia Jorge

    A disciplina pretende pensar e produzir audiovisual nas condições de isolamento social impostas pela pandemia global do Covid-19. A ideia é que toda a captura e edição de imagens sejam feitas através dos celulares e computadores pessoais dentro dos (as) próprios (as) apartamentos, casas e quintais, com os recursos materiais e humanos disponíveis na própria situação de moradia do(a) aluno(a). Constarão do programa da disciplina:  A prospecção de aplicativos disponíveis para captura e edição de imagens em dispositivos móveis; Estudo e análise da linguagem audiovisual e a potencialidade dos modos de produção em estado de isolamento; Realização de uma obra audiovisual de curta-metragem de gênero livre.

    Recomendado que o(a) alune já tenha feito as disciplinas de roteirização.

    • ART 5028 – Tópicos Especiais de Cinema II – Road movies, viagens e viajantes – 2ª feira 14h (horário da aula síncrona) – prof. Marcio Markendorf

    Ementa: Experiências de deslocamento: viajante, turista, peregrino, migrante. Sentidos poéticos da viagem. O cinema de estrada e sua relação com o espaço. Paisagem e interioridade subjetiva. Road movie e aventura. Mulheres na estrada. Meios de transporte e trajetória.

    • ART 5029 Tópicos Especiais de Cinema III – Hands on Production (disciplina ministrada em inglês) – 3ª feira 9h (horário da aula síncrona) – profa. Marta Machado. Observação: as aulas irão iniciar em março.

    The idea is to walk a production path with students to work on a project they choose. The decision about what to produce will be taken at the beginning of our classes and the whole group will work together to make the project happen by the end of our program. Classes will be two-hour weekly meetings to plan and decide on tasks for each one in the group to perform. Each student is supposed to have at least 2 hours extra-class time to do their tasks (Don’t enroll if you cannot dedicate that time, please). Every class we will check on each ones’ progress and will hand in new tasks. The project we will work on will be somehow connected to audiovisual, and we will choose a proposal that we can make happen in these odd Covid times.Classes will start in March since the teacher (Marta Machado) will be back from her Ph.D. only by then. Extra-class work will compensate for the first month with no meetings. English will be the official language of the course so you need to be able to communicate in English. The purpose here is to practice the language while having the chance to produce something cool, enhance our group work skills, and expand social networking. If you have any doubts, please get in touch using ufscmarta@gmail.com. Thanks!

    • ART 5030 – Tópicos Especiais de Cinema IV – Cinema e Paratextos na Cultura Pop – 3ª feira 14h20 (horário da aula síncrona) – profa. Patricia Iuva

    A disciplina “Cinema e Paratextos na Cultura Pop” busca aprofundar diferentes interfaces entre o cinema e a Cultura Pop, desde sua relação com as formas de criação dos “filmes de arte” até o encontro com o cinema mainstream. A partir daí, orienta o foco sobre o fenômeno da cultura da convergência midiática, a qual possibilita a proliferação de novos objetos de estudo: os paratextos, também chamados de produtos extra-fílmicos – aqueles que circundam o filme -, tais como trailers, making ofs, críticas, sequências de créditos, vídeo ensaios, podcasts, mashups, etc. A disciplina também tem como objetivo despertar apreciação crítica e estética dos paratextos, enquanto fenômeno de convergência de linguagens e tecnologias, a partir da compreensão da configuração dos contextos da cultura pop na expressão cinematográfica e audiovisual.

    • ART 5031 – Tópicos Especiais de Cinema V –  Arte e Consciência Gestáltica  4ª feira – 9h (horário da aula síncrona) – prof. Josias Hack

    Ementa: Características da Psique humana. A arte como expressão da Psique – entre o Id e a Personalidade. O que o outro, pessoas e instituições, representa para mim. A arte como atividade terapêutica de expressão externa de traços da Psique. Metodologia: a disciplina terá sessões terapêuticas coletivas síncronas (com todos os alunos) e sessões terapêuticas individuais síncronas (aluno e professor) para discutir de forma dialógica aspectos da psique humana. Além disso, serão desenvolvidos estudos dirigidos assíncronos para aprofundar as temáticas. Público alvo: alunos interessados em refletir sobre sua própria psique e o papel da Arte no processo de equalização das demandas do self (Id, Ego e Personalidade). Os alunos que quiserem esclarecer alguma dúvida podem entrar em contato pelo e-mail: j.r.hack@outlook.com

    • ART 5032 – Tópicos Especiais de Cinema VI – Cinema de horror e teorias da monstruosidade – 4ª feira 14h (horário da aula síncrona) – prof. Marcio Markendorf

    Ementa: Cinema de horror e monstruosidade. Monstruosidade e medo. Estudo de aspectos estéticos do monstro na história cultural do Ocidente. Reflexões sobre o estatuto do monstro como metáfora política. Análise do fato monstruoso como reflexo de estruturas de poder em torno da diferença e da normalização. O monstro em gêneros narrativos variados.

    • ART 5033 – Tópicos Especiais de Cinema VII – Cinema Negro – 4ª feira 18h30 (horário da aula síncrona) – profa.  Aglair Bernardo

    Ementa: Partindo da perspectiva de uma afro cultura cinematográfica brasileira em um cenário cuja produção negra no cinema atual se encontra em ascensão e buscando romper com a lógica de um cinema reprodutor dos problemas raciais, traçaremos uma historiografia do cinema negro brasileiro objetivando debater a produção, distribuição e reflexão de um cinema afrocentrado, focado nas emergências identitárias da atualidade.

    • ART 5034 – Tópicos Especiais de Cinema VIII – Pré produção e Roteiro de Séries – 5ª feira 9h (horário da aula síncrona) – prof. Alfredo Manevy.

    As séries se transformaram em um conteúdo central na produção e consumo audiovisual contemporâneo. Combinando a tradição cinematográfica com a televisiva, estes formatos desenvolvem personagens e técnicas narrativas que precisam ser discutidas tanto numa perspectiva criativa, teórica como crítica. A partir da análise do roteiro de séries brasileiras e estrangeiras, e da leitura e debate de textos e bibliografia sobre o tema, esta disciplina experimental pretende incentivar a escrita de bíblias e roteiro de séries e webséries dos alunos. E a reflexão e análise dos conteúdos na sua perspectiva narrativa, de discurso e dramaturgia.

    • ART 5035 – Tópicos Especiais de Cinema IX – Cinema, Gênero e Decolonialidades – 5ª feira 16h (horário da aula síncrona) – profa. Alessandra Brandão (RESRVA PARA O CURSO)

    Ementa: As teorias de gênero e suas relações interseccionais na construção narrativa. O pensamento decolonial e as estratégias metodológicas de resistência à colonialidade do poder e do saber. A ponte entre os estudos de gênero e decoloniais. As relações entre gênero, sexualidades e estudos queer. A intervenção decolonial no pensamento sobre o cinema e as artes. Cinema decolonial: política e estética. *Algumas leituras serão em espanhol e/ou inglês.

    • ART 5036 – Tópicos Especiais de Cinema X – Tópicos de Cinema Brasileiro   5ª feira 18h30 (horário da aula síncrona) – profa. Clélia Mello

    A disciplina terá como foco o cinema do Brasil a partir dos anos 70, conversações em grupo e com convidados especializados.

    • ART 5037 Tópicos Especiais de Cinema XI – Filme ensaio latino-americano – 6ª feira 9h (horário da aula síncrona) – profa. Andrea Scansani

    O cinema latino-americano da segunda metade do século XX toma para si a tarefa não apenas de refletir sobre as relações sociais, econômicas e políticas do mundo histórico em que está inserido, mas de ação e, quiçá, transformação sobre essas mesmas relações. As perspectivas estéticas, portanto políticas, com as quais as mais diversas experiências vão construir seus filmes, sua teoria e sua prática, podem ser investigadas sob a óptica daqueles cineastas que se utilizam dos instrumentos de criação do chamado filme ensaio. Deste modo, a disciplina “”Filme ensaio latino-americano”” cotejará o cinema produzido no Brasil, Argentina, Bolívia, Cuba etc. com a teoria, muitas vezes apresentada em forma de manifestos, que fundamenta o que ficou conhecido como o “”Novo Cinema latino-americano””. Uma pequena nota: a bibliografia da disciplina não tem como abrir mão de textos em espanhol, portanto, é esperado que as pessoas matriculadas façam um esforço de compreensão do idioma de nossos países vizinhos. Quaisquer dúvidas, entrar em contato: scansani.andrea@ufsc.br

    • ART 5038 – Tópicos Especiais de Cinema XII – Projetos para TV – 6ª feira 14h (horário da aula síncrona) – prof. Rodrigo Garcez

    Aspectos práticos da produção para TV, seja ela aberta, paga, web ou transmídia. Dialogando com convidados do mercado, teremos o apoio da TV UFSC para apresentar projetos ao seu produtor executivo. O objetivo é ampliar as possibilidades de realização audiovisual e refletir sobre a viabilidade de propostas para essa mídia em transição.

     


  • Aluno Brendon Mota Alves participou das apresentações orais do Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica (30º SIC)

    Publicado em 10/12/2020 às 15:10
    O trabalho de Iniciação Científica do aluno do curso de Cinema Brendon Mota Alves foi selecionado como o melhor do departamento de Artes para apresentação oral no 30º SIC – Ciências Humanas e Sociais, Letras e Artes, realizado em 26 de novembro de 2020.
    O link para o vídeo ensaio que ele produziu como resultado final da pesquisa segue abaixo:

    A pesquisa tem como objetivo a problematização da esfera paratextual da sequência de créditos cinematográficos com intuito de estudar suas regras, composições e funcionamento, para, num segundo momento, buscar movimentos de descontinuidade das regularidades discursivas, no âmbito de sua estética e da autoria. Assim, o estudo parte das discussões acerca das teorias do autor no cinema e no audiovisual, direcionando-se para a investigação da funcionalidade hegemônica da forma expressiva das sequências de créditos. Desse modo, os questionamentos balizadores foram: como tais paratextos operam noções de autoria no campo do audiovisual; e que experiências estéticas paratextuais referentes às sequências de créditos irrompem contra as regularidades impostas pelo discurso cinematográfico da transparência. A abordagem teórico-metodológica amparada na arqueologia de Michel Foucault orientou a escolha do corpus para as sequências de créditos de 3 filmes: Irreversível (2002), Enter the Void (2009) e Clímax (2018). Tratam-se de experiências estéticas que tensionam as regularidades discursivas instituídas pelo campo disciplinar dos créditos de abertura através de gestos transgressores de criação com a assinatura autoral do diretor dos filmes: Gaspar Noé. Nesses termos, percebemos que a linguagem cinematográfica é desestabilizada em diversos níveis, inclusive na de seus paratextos (sequências de créditos). No entanto, no âmbito da autoria, tais experiências demonstram que a função-autor ainda recai de modo ostensivo sobre o diretor das obras.